Main menu

Tarauacá-Env

Curso de Agricultor Orgânico é concluído na aldeia Shane Kaya

 

Shane Kaya 1

Estudantes e professores do curso de Agricultor Orgânico do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) através do Instituto Federal do Acre- IFAC da Aldeia Shane Kaya em Tarauacá, realizaram no dia 30 de abril uma confraternização para comemorar a conclusão da capacitação.

Na ocasião, foram expostos os trabalhos dos alunos elaborados durante todo o período do curso promovido na comunidade. Também aconteceram apresentações de músicas, danças entre outras manifestações culturais.
O evento contou com a participação de integrantes da comunidade e da cacique Enir Brandão que aproveitou a oportunidade para agradecer pela realização do Pronatec na aldeia. “O curso nos auxiliou no aprimoramento das técnicas do plantio agrícola, além de contribuir no aumento da produção de legumes e frutas”, disse.
O professor do Pronatec/IFAC na regional Tarauacá-Envira, Gilmar Matos da Silva Kaxinawa destaca a importância da produção orgânica e de alimentos sem o uso de produtos químicos prejudiciais à saúde e ao meio ambiente.
Segundo ele, o objetivo da atividade é fortalecer a agricultura familiar, resgatar os hábitos alimentares que primam pela melhor qualidade de vida dos povos indígenas. Assim os estudantes tornam-se multiplicadores dos conhecimentos adquiridos no programa e fortalecem o uso sustentável dos recursos naturais [como matéria prima], contribuindo na conservação e preservação do meio ambiente para gerações futuras.

Pronatec Indígena - O Pronatec através do IFAC, atende alunos da comunidade indígenas que estão distribuídos entre as regionais do Vale do Juruá, Vale do Purus e Tarauacá-Envira.
O curso de Agricultor Orgânico promovido na aldeia Shane Kaya, em Tarauacá, tem parceria com a Fundação Nacional do Índio (Funai), Organização dos Professores Indígenas do Acre (OPIAC) e o Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (NEABI) do IFAC/Campus Tarauacá.

Leia mais ...

Alunas promovem ação voluntária no Lar Novo Hamburgo

Os idosos abrigados no Lar Novo Hamburgo, em Tarauacá, tiveram um dia dedicado a beleza das mãos e pés. A ação voluntária foi realizada pelas alunas do curso de Manicure e Pedicure, ofertado pelo Instituto Federal do Acre (Ifac), através do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

O curso é voltado para mulheres em situação de vulnerabilidade social, por isso está dentro do denominado Pronatec/Mulheres Mil.

A atividade fez parte do cronograma prático do curso que deve encerrar até o final deste mês. As 20 alunas da turma serão devidamente certificadas em cerimônia realizada pela equipe de coordenação do Programa no Ifac.

Leia mais ...

IFAC leva qualificação profissional para os povos Kaxinawá e Shanenawa

O território acreano é dividido em cinco regionais: Baixo Acre, onde está a capital, Rio Branco; Alto Acre, região de fronteira com Peru e Bolívia; Vale do Juruá, onde fica a segunda cidade acreana mais populosa – Cruzeiro do Sul; Vale do Purus e Tarauacá-Envira. É nessa última que vivem os povos Kaxinawá e Shanenawa, contemplados com os cursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), desenvolvido pelo Instituto Federal do Acre (Ifac).

Dois cursos estão em andamento. O de Artesanato Indígena na aldeia Pinuya, menor terra indígena da região Norte, localizada a aproximadamente seis quilômetros de Tarauacá, onde vive parte do povo Kaxinawá. O outro curso é o de Agricultor Orgânico, ofertado na aldeia Shane Kaya, aldeia que tem uma mulher na liderança, a cacique Enir Brandão Shanenawa.

A coordenadora adjunta do Pronatec na regional Tarauacá-Envira, Daiana Araújo, explicou que os cursos são ministrados dentro dessas duas aldeias, mas atende a indígenas de outras também. “A ideia é que todos se tornem multiplicadores dos conhecimentos adquiridos nos cursos”.

A novidade na execução dos cursos em aldeias indígenas na regional Tarauacá-Envira é a integração de professores indígenas. “A nossa regional é pioneira quando o assunto é cursos do Pronatec nas aldeias indígenas. Em 2014, formamos quatro turmas nas aldeias Morada Nova, em Feijó, e aldeia do Caucho em Tarauacá. Na época formamos 130 alunos indígenas. E agora temos professores que são dessas comunidades. Que entendem melhor do que ninguém as peculiaridades do ensino para estes povos. Temos três professores Kaxinawas e um Shanenawa”, esclareceu a coordenadora adjunta.

O trabalho do Ifac nessas aldeias conta com a parceria direta da Fundação Nacional do Índio - FUNAI, da Organização dos Professores Indígenas do Acre - OPIAC e do Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas - NEABI do Campus Tarauacá do Ifac. As quatro instituições pensam juntas o planejamento e a execução dos cursos de forma adaptada e apropriada para realidade e cultura de cada povo.

Indígena

Para o diretor geral do Campus Tarauacá, Sérgio Flórido, é um trabalho magnifico, pois valoriza, respeita e estuda a cultura de cada povo. Segundo ele, além de alunos do Pronatec, o Ifac tem alunos indígenas no ensino médio integrado. “Tudo isso representa um avanço para o Ifac, no sentido de inclusão dos povos indígenas na educação pública federal”, ressaltou.

A cacique Enir Brandão Shanenawa manifestou a satisfação de ver o povo da aldeia aprendendo com o curso do Pronatec. “Vivemos em uma terra em que algumas áreas que precisaram ser reflorestadas com leguminosas, frutas para a nossa subsistência e com o curso de Agricultor Orgânico o meu povo vai poder dar mais qualidade a essa produção, consequentemente para a alimentação de todos os dias e quem sabe para a futura comercialização”, comentou.
O trabalho pioneiro em Tarauacá deu tão certo que o Instituto expandiu a oferta de cursos do Programa para outras regionais acreanas. Hoje, também existem turmas nas regionais dos Vales do Juruá e Purus.

“É muito gratificante ver a execução dos cursos nas aldeias, principalmente, ouvir das lideranças, professores e alunos os relatos de que os cursos têm resgatado atividades da cultura tanto do povo Kaxinawa quanto o povo Shanenawa”, conclui a coordenadora Daiana.

Leia mais ...

IFAC começa atividades do Pronatec na regional Tarauacá-Envira

Fim de ano foi agitado na regional Tarauacá-Envira. A coordenadora adjunta do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) na região teve que trabalhar até debaixo de chuva e enquanto muita gente curtia o recesso do natal. Daiana Araújo navegou uma hora de canoa pelas águas do rio Tarauacá até a comunidade ribeirinha Socó. Durante a visita, no dia 26 de dezembro, a coordenadora adjunta fez as matrículas de 40 alunos da comunidade onde o Pronatec/IFAC vai ofertar o curso de fruticultor.

E o trabalho não parou. Dia 29 de dezembro, a coordenadora realizou a aula inaugural dos cursos de Manicure e pedicure, Agente Comunitário de Saúde, ambos ofertados pelo Pronatec/Mulheres Mil do IFAC. E ainda a aula inaugural dos cursos de Operador de Câmera, Libras e Auxiliar de Recursos Humanos, cursos da modalidade PRONATEC/Serviços Públicos. Nessa missão, Daiana Araújo foi acompanhada pelo secretário de Promoção e Ação Social de Tarauacá, Antônio Araújo, popularmente conhecido no município por “Príncipe”. Estiveram presentes também as orientadoras sociais do Programa Nacional de Promoção do Acesso ao Mundo do Trabalho – ACESSUAS, Rosinete Bezerra e Edineide da Silva, a supervisora dos cursos do Pronatec/IFAC em Tarauacá, Catiana Veras e orientadora pedagógica Sandra Freire.

Neste semestre, a regional Tarauacá - Envira ofertará 22 cursos divididos entre os municípios de Feijó e Tarauacá. “O objetivo é contemplar aldeias, comunidades ribeirinhas e populações urbanas que são carentes de capacitação para o mercado de trabalho. Terminamos 2015 no ritmo que vamos encarar o trabalho em 2016. Estamos a todo vapor”, declarou a coordenadora adjunta.

daiana

 

 

Leia mais ...

IFAC certifica 785 pessoas pelo PRONATEC nas regionais do Juruá e Envira

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre (IFAC) certifica nesta terça-feira, dia 23, mais 400 profissionais em cursos de formação inicial e continuada pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) na regional do Vale do Juruá. A solenidade de entrega dos certificados será às 19 horas no Centro Recreativo dos Policiais Militares de Cruzeiro do Sul - 6°BPM e reunirá agricultores familiares (Pronatec Campo), servidores públicos (Pronatec Serviços Públicos) e mulheres (Pronatec Mulheres Mil) dos municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima e Rodrigues Alves.

Na semana passada o Instituto Federal certificou 384 pessoas na regional Tarauacá-Envira. Equipe de gestores da instituição ofertante e de parceiros demandantes se deslocaram nos dias 18 e 19 de junho para as comunidades do Gregório e Acuraua para cerimônias com três turmas, outras 10 foram certificadas em Tarauacá no Teatro Potyguar e mais oito turmas participaram de solenidade no auditório do Cedup em Feijó. No campo e na cidade foram oferecidos 15 diferentes cursos.

Para a delegada do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) no Acre, Zenilda Barbalho de Lima, os cursos do Programa estão proporcionando uma revolução positiva para os agricultores familiares no Estado. “Conhecimento é algo permanente. Felizes os que souberam aproveitar essa oportunidade para melhorar seu negócio e consequentemente ampliar a produção de alimentos para toda a população”, comentou.

A coordenadora Geral do Pronatec no IFAC, Profª Alcilene Alves, reforçou em suas falas que o sucesso do Programa é a união de várias instituições governamentais e não-governamentais (como associações, cooperativas, sindicatos) e lideranças individuais também em prol da oferta de cursos o mais próximo possível da moradia dos participantes.

Homenagens

O Câmpus Tarauacá do IFAC é o mais novo da rede no Estado, mas já está bem entrosado com os arranjos locais. Para homenagear as pessoas que foram certificadas pelo Pronatec na regional, alunos e ex-alunos que integram o Coral do IFAC/Câmpus Tarauacá cantaram o Hino do município e encerraram as solenidades no campo e na cidade com uma brincadeira musical e interativa com a composição Cirandeiro (Cultura Popular). Antes o jovem aluno Aldaíso Kaxinauwá apresentou duas de suas próprias composições. O Coral é regido pela docente de Música, Profª Cristiane de Bortoli.

 cirandeiro tk

adailso tk

Resultados

maria feijo

E a música também foi a forma encontrada pelos concluintes do curso de Suinocultor de Feijó agradecer a oferta do curso. Durante a cerimônia de certificação no município, a ex-aluna Maria das Dores Ciríaco de Lima puxou o coro com uma paródia alusiva ao sucesso da capacitação recebida.

 francisco feijo

O agricultor familiar Francisco José Costa Nascimento, presente na cerimônia em Feijó com dois de seus quatro filhos pequenos fez um depoimento que comprova a eficiência da formação. Ele é morador no projeto de assentamento (PA) Envira a 22 quilômetros de Feijó. Com a formação recebida no seu primeiro curso pelo Pronatec, o de Avicultor, ele se empolgou para construir um galpão de 8 metros e comprar 250 pintos caipirão. Oito meses depois ele já oferece para supermercados locais e para a merenda escolar (pelo Programa de Aquisição de Alimentos – PAA). O lucro ele tem reinvestido e já está construindo mais dois galpões. Imagina o que seo Francisco vai fazer agora com o conhecimento adquirido com o curso de Suinocultor que acaba de se certificar.

Confira no facebook do Programa (www.facebook.com/pronatecifac) mais fotos das certificações na regional de Tarauacá-Envira

Leia mais ...

IFAC encerra curso do Pronatec em Tarauacá

No sábado, 09 de maio, a coordenação adjunta do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) do Instituto Federal do Acre, na regional Tarauacá-Envira, finalizou o curso de Operador de Computador, ofertado apenas para Servidores Públicos, com a execução do projeto “Inclusão Digital”. Crianças atendidas pelo Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) puderam utilizar os computadores, acessaram programas de desenhos e jogos educativos, tudo sob a coordenação dos professores Antônio Soares, Marleide Falcão e Adriane Garroni.  

“Foi momento de grande satisfação, incluir as crianças no mundo da informática. Vimos a alegria e motivação deles diante dos recursos tecnológicos”, comentou a professora Marleide Falcão.

Após as atividades as crianças saborearam um lanche organizado pelos alunos, professores e equipe administrativas do Programa. A orientadora pedagógica Catiana Veras aproveitou a ocasião para entregar uma rosa às alunas em homenagem ao dia das mães.

A coordenadora adjunta, Daiana Araújo, fez um breve relato da história do curso, enfatizando que “mesmo com algumas dificuldades como enchentes e falta de laboratório o curso foi finalizado de forma muito simples, mas muito significativa, promovendo uma atividade de inclusão social para as crianças que vivem em situação de vulnerabilidade social”, finalizou.

Leia mais ...

IFAC encerra sete cursos do Pronatec em Tarauacá

O Instituto Federal do Acre (IFAC) finalizou as atividades dos cursos de bovinocultor de leite, operador de máquinas e implementos agrícolas, operador de beneficiamento de pescado, auxiliar em agropecuária, avicultor, suinocultor e ovinocultor do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) em Tarauacá.

O último dia de aula foi marcado pelo clima de confraternização entre alunos, docentes e toda equipe administrativa do programa, que organizaram atividades esportivas, lanches, doces, bolos e tortas.

Para a coordenadora adjunta do Pronatec na regional Tarauacá-Envira Daiana Araújo a finalização dos cursos representa a superação de muitas dificuldades. “Vivemos um período muito chuvoso, tivemos de enfrentar várias enchentes em Tarauacá, mas graças ao esforço e dedicação de todos, conseguimos”, completou.

O próximo passo é certificar as sete turmas. A cerimônia de entrega dos certificados está prevista para o dia 22 de maio.

A regional Tarauacá-Envira compreende também as unidades remotas de Feijó e Jordão que também finalizam as atividades nos próximos dias.

Em Feijó, oito cursos estão em andamento. Já a unidade remota de Jordão desenvolve três cursos, Viveiricultor, Fruticultor e Horticultor Orgânico, todos no eixo de recursos naturais, demandados pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário – MDA, através da Secretaria de Estado de Desenvolvimento da Indústria, do Comércio e dos Serviços Sustentáveis (SEDENS).

O de Fruticultor já entrou na fase de aulas práticas, fase final do curso. O professor Romenijes da Silva Sombra, da disciplina de Preparo e Fertilização do Solo é quem conduz as últimas aulas.

fruticultor editada

Com informações da regional Tarauacá-Envira

Leia mais ...

Turma de Produtor de Embutidos e Defumados começa aulas práticas

A última disciplina do curso é justamente a de produção de embutidos e defumados, com carga horária de 80 horas/aula 100% prática, ministrada pela professora Tatiane da Silva Oliveira. A primeira atividade realizada foi no Açougue Novo Porto, propriedade do empresário Ezi Aragão, no dia 31 de março. 

“Começamos as aulas de campo com a identificação das técnicas utilizadas na fabricação de embutidos. Os alunos observaram o processo desde a escolha dos cortes bovinos, até a produção de linguiças. Acompanharam todas as etapas - moagem da carne com toucinho, corte das tripas e as misturas dos ingredientes e temperos até o enchimento, armazenagem e tempo de prateleira da linguiça de carne bovina” explicou a professora Tatiane.hamburguer2

Na sequência, dias 1º e 02 de abril, as aulas práticas foram no lar de idosos Novo Hamburgo. Os alunos utilizaram as técnicas passadas na teoria para a fabricação de hambúrgueres. Espessuras, condimentos, formatos, congelamento e cozimento. Tudo foi observado na prática.

A professora Tatiane destacou que “como o hambúrguer é bastante utilizado nos fast-foods, quem o produz tem grande possibilidade de ganhar a tão sonhada independência financeira, abrir o próprio negócio e com grandes possibilidades de sucesso. O que anima muito as nossas alunas do Pronatec/Mulheres Mil, programa que tem essa missão de retirar mulheres da situação de vulnerabilidade social”, ressaltou a docente Tatiane.

A coordenadora adjunta do Pronatec na regional Tarauacá-Envira, Daiana Araújo, destacou o trabalho feito pela equipe que se empenha para a execução deste curso. “É muito importante vê a motivação das mulheres do curso nas aulas, temos conseguido cumprir os objetivos graças ao empenho da professora Tatiane, orientadora pedagógica Catiana Veras e principalmente com a parcerias de empresários e instituições de Tarauacá”, ressaltou a coordenadora adjunta do Pronatec na regional Tarauacá-Envira, Daiana Araújo.

O curso de Formação Inicial e Continuada (FIC), ofertado pelo Instituto Federal do Acre – IFAC/ Câmpus Tarauacá, através do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), tem carga horária total de 200 horas e encerra no dia 16 de abril. A cerimônia de certificação está prevista para o dia 22 de maio. Até lá, os alunos ainda participarão de outras atividades de campo.

Leia mais ...

Coordenador geral do Pronatec visita regional Tarauacá/Envira

No último fim de semana, o coordenador geral do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), no Instituto Federal do Acre (IFAC), Márcio Bonfim Santiago, visitou as unidades do Programa em Tarauacá e Feijó, municípios que formam a regional Tarauacá/Envira.

Em Tarauacá, o coordenador se reuniu com a equipe que executa o Programa e com os alunos em momentos de muita conversa e reconhecimento do trabalho que vem sendo feito. Depois de cumprir a agenda na terra do abacaxi gigante, Bonfim participou do “Momento Pronatec”, na Escola Estadual Vicência Celso Brandão, onde os alunos dos cursos de avicultura, suinocultura, criação de peixes em tanques de rede, operador de máquinas e implementos agrícolas, cafeicultura e piscicultura apresentaram trabalhos, com exposição de maquetes, fotos.

“O objetivo de realizar o “Momento Pronatec” foi promover a integração de conhecimentos entre os educandos dos vários cursos ofertados pelo Programa aqui em Feijó. Possibilitar que os alunos demonstrem na prática os conhecimentos adquiridos em sala de aula e compartilhem essas experiências com os demais estudantes”, explicou a coordenadora adjunta na regional Tarauacá-Envira, Daiana Araújo.

Durante o evento, Márcio visitou todos os stands montados pelas turmas dos seis cursos, conversou com os alunos e fez questão de registrar o momento com cada turma. “Participar de tudo isso é muito satisfatório. Ver de perto que o trabalho que fazemos na gestão dá resultado na ponta é bom demais. Vi como os alunos ficaram felizes em poder mostrar o que aprendem no dia-a-dia dos cursos, trocar esse conhecimento, poder aprender um pouquinho do que o colega da outra turma, do outro curso está aprendendo. Só posso mesmo é parabenizar a equipe que executa o programa na regional, dizer que estão no caminho certo, e claro, parabenizar também os alunos pelo empenho e disposição em mostrar o que veem em sala de aula”, disse o coordenador geral.

Para poder cumprir a agenda na regional, Bonfim embarcou na sexta-feira, 13, em Rio Branco, viajou mais de 5 horas pela BR-364 até Tarauacá, e só retornou de Feijó na tarde do sábado, 14. “Vale a pena viajar, mesmo no fim de semana, passar horas na estrada, para ver de perto como o trabalho tem dado certo”, ressaltou.

Também participaram do “Momento Pronatec” parceiros municipais e estaduais, como, o professor José Deusmar de Lima, representante da SEE, a professora Vera Maria Oliveira da Costa, representante da Secretaria de Educação Municipal, a Sra. Berlandia de Souza Lima, da Secretaria Municipal de Cidadania e Inclusão Social. A gestora da escola onde ocorreu o evento, Mariana Pinto, também participou.

A resposta dos alunos e equipes dos dois municípios à visita do coordenador também foi de muita satisfação. “Receber o coordenador geral foi motivo de contentamento para a equipe administrativa, docentes e alunos que tiveram a oportunidade de conversar de maneira bem espontânea com o mesmo. É importante também para que nós, que conduzimos os trabalhos desta regional tenhamos feedback da maneira como estamos conduzindo o Programa e podemos nos reorganizar para melhor atender seus objetivos que é oferecer educação como instrumento de mudança social em cada localidade atendida, finalizou a adjunta Daiana Araújo.

Veja mais fotos da visita na página do Pronatec - Ifac!!

 

Leia mais ...

Coordenação do Pronatec homenageia alunas em Tarauacá

Na quarta-feira, 11 de março, a coordenação adjunta do Pronatec na regional Tarauacá-Envira, em parceria com o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), realizou homenagem as alunas dos cursos de Viveiricultor e Produtor de Embutidos e Defumados, enquadrados no quadro de ofertas do Pronatec/Mulheres Mil, programa que atende ao público feminino em situação de vulnerabilidade social.

A coordenadora do Programa Nacional de Promoção do Acesso ao Mundo do trabalho - ACESSUAS, Mônica Otaviano, representou o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), que é o demandante dos cursos e junto com a orientadora pedagógica Catiana Veras e a Coordenadora Adjunta do Pronatec na regional Tarauacá-Envira, Daiana Araújo, organizaram um delicioso lanche para as mulheres. Durante a pequena comemoração, o professor João Paulo Maia fez questão de passar uma mensagem as presentes. Estiveram presentes também a presidente da rede de mulheres Taraucaense (REMUT), Socorro Nery, e as professoras Letícia Damasco e Vanessa Cabral.

“É assim, nesses pequenos momentos de confraternização em que nos reunimos para lembrar a essas mulheres o quanto são importantes na sociedade, o potencial delas ao se capacitarem, que é sim possível resgatar a autonomia pessoal e profissional, enfim... a ideia foi mesmo de injetar ainda mais ânimo nelas que deram o passo rumo a qualificação”, disse a coordenadora adjunta Daiana Araújo.

Leia mais ...

Facebook